Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

Como seriam os táxis aéreos sem piloto, aposta ousada para vencer a hora do rush


Atrasado para um compromisso? Imagine poder vencer os engarrafamentos das maiores megalópoles do mundo usando um táxi aéreo.

E mais: totalmente autônomo, ou seja, sem piloto.

Essa é a proposta do CityAirbus.

Concebido para decolar e pousar verticalmente, como um helicóptero, ele ainda funcionaria por meio de baterias.

"Vamos voar em um espaço aéreo restrito sobre a cidade. Isso vai ser feito de forma autônoma", explica Marius Bebesel, engenheiro-chefe da CityAirbus.

"Assim que tivermos a confiança e a aceitação do público, vamos retirar o piloto e vamos operar o CityAirbus de forma inteiramente autônoma", acrescenta.

Já a startup Volocopter já tem sua própria versão de táxi aéreo, que tem 18 propulsores por medidas de segurança.

Como a Airbus, a Volocopter quer que seu invento seja 100% autônomo.

"Você tem um aplicativo em seu celular. Ele oferece serviços diferentes e um deles é o 'volocóptero'. Você apenas escolhe essa opção de transporte e o 'volocóptero' vai, de forma autônoma, até você", diz.

Mas antes de entrar em operação, será necessário ganhar a confiança do público e vencer a resistência dos órgãos reguladores de aviação.




fonte: BBC
SHARE
Banner

Comentar: