Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

Com 130 milhões de passageiros, as companhias do Grupo Lufthansa alcançaram um máximo histórico em 2017


Em dezembro, as companhias aéreas do Grupo Lufthansa deram as boas vindas a aproximadamente 9,3 milhões de passageiros. Isso mostrar um aumento de 19,9% se comparado com dezembro do ano anterior. O índice ASK (available seat kilometers) aumentou 14,2% sobre o ano anterior e, ao mesmo tempo, as vendas cresceram 15,9%. A taxa de ocupação aumentou no mesmo ritmo, subindo 1,1 ponto percentual em comparação com dezembro do ano passado, para uma marca de 78,9%. No total, as companhias aéreas do Grupo Lufthansa deram as boas vindas a cerca de 130 milhões de passageiros a bordo de suas aeronaves em 2017 e esse número representa um novo recorde de passageiros. A taxa de ocupação nos 1,1 milhão de voos do ano passado ficou em um nível recorde de 80.9 %

A indicação de rendimento (yield) continuou a se desenvolver positivamente em dezembro. A capacidade de carga aumentou 6,6% em um ano sobre o outro, enquanto as vendas subiram 5,8% em termos de receita tonelada x quilômetro. Como resultado, a taxa de ocupação caiu 0,5 ponto percentual em dezembro. Em geral, a capacidade de carga em 2017 foi 3,3% maior do que no ano anterior. Ao mesmo tempo, as vendas de carga no período cresceram 7,4%, resultando em uma taxa de ocupação 2,7 pontos percentuais melhor do que em 2016. 

Companhias aéreas de rede 

As companhias aéreas de rede (Lufthansa German Airlines, SWISS e Austrian Airlines) transportaram 7 milhões de passageiros em dezembro, 7,4% mais do que no ano anterior. Em comparação com o ano passado, o índice ASK (available seat kilometers) aumentou 4,5% em dezembro. O volume de vendas subiu 5,8% sobre o mesmo período, elevando a taxa de ocupação em um ponto percentual para 78,7%. Em 2017, as companhias aéreas de rede do grupo transportaram 97,4 milhões de passageiros, o que representa 6,8% a mais em relação ao ano anterior. Durante este período, a taxa de ocupação nas companhias aéreas de rede aumento 2,1 pontos percentuais para 81,1%.

A Lufthansa German Airlines transportou 4,7 milhões de passageiros em dezembro, uma alta de 7,3% se comparada ao mesmo mês do ano passado. Uma alta de 4,2% na oferta de assentos x quilômetro corresponde a um aumento de 5,1% nas vendas. Além disso, a taxa de ocupação chegou a 79,2%, um total 0,7 pontos percentuais acima do nível do ano anterior. Em 2017, a Lufthansa German Airlines transportou 66,2 milhões de passageiros, 6,1% mais do que no ano anterior. Em 81.6%, a taxa de ocupação foi 2,5 pontos percentuais maior do que em 2016.

Companhias aéreas ponto a ponto

As companhias aéreas ponto a ponto o Grupo Lufthansa – Eurowings (incluindo Germanwings) e Brussels Airlines – transportaram cerca de 2,4 milhões de passageiros em dezembro. Deste total, 2,1 milhões de passageiros estiveram em voos de curta distância e 251.000 em voos de longa distância. Isso leva a um crescimento de 80,3% em comparação com o ano passado. A capacidade em dezembro estava 107,2% acima do nível do ano anterior, enquanto o volume de vendas subiu 113%, resultando em uma alta da taxa de ocupação de 2,2 pontos percentuais para 79.4%.

Nos voos de curta distância, as companhias aéreas ponto a ponto aumentaram a capacidade em 77,7% e subiram o volume de vendas em 90,1%. Isso resultou em um aumento da taxa de ocupação de 5,0 pontos percentuais se comparada com dezembro do ano passado, chegando a 77,0%. A taxa de ocupação para os voos de longa distância caiu 5,7 pontos percentuais para 82,7% durante o mesmo período, seguindo um aumento de capacidade de 170,1% e uma alta nas vendas de 152,8%, em relação ao ano anterior.

As companhias aéreas ponto a ponto transportaram um total de 32,6 milhões de passageiros em 2017, 77,0% a mais do que no ano passado. Em 79.9%, a taxa de ocupação foi 0,3 pontos percentuais maior do que em 2016.

Sobre a Lufthansa

Uma das maiores e mais prestigiadas companhias aéreas e a única europeia 5 estrelas, a Lufthansa serve 211 destinos em 74 países em todo o mundo. Com centros de distribuição em Frankfurt e Munique. Com a aquisição por parte do Grupo Lufthansa das companhias Austrian Airlines, SWISS e Brussels Airlines, centros de distribuição adicionais foram incluídos Viena, Bruxelas e Zurique. O grupo todo transportou 130 milhões de passageiros em 2017. No horário de inverno europeu, as companhias aéreas do grupo estão oferecendo cerca de 5.158 frequências semanais para 193 destinos em 75 países no mundo todo. Como uma companhia inovadora, a Lufthansa está comprometida com o cuidado do meio ambiente a sustentabilidade, operando uma das frotas mais avançadas tecnologicamente e mais eficiente em termos de consumo de combustível. A frota de longa distância para as Américas inclui o Boeing 747-8, o Airbus A380 e o Airbus A350-900, que são algumas das aeronaves mais amigas do meio ambiente para transporte de passageiros da indústria. A Lufthansa é o maior operador de A380 da Europa e é também o cliente lançador do Boeing 747-8. O Grupo Lufthansa tem um pedido de 180 novas aeronaves para serem entregues até 2025. Conhecidas por seus serviços premium, a Lufthansa continua a investir em novas ou remodelar a rede de lounges já existente em toda a malha global. Toda a frota de longa distância da Lufthansa agora tem todos os novos produtos a bordo de cada classe e está equipada com a internet a bordo, banda larga e sem fio, a FlyNet. 



fonte: Egom PR Agency
SHARE
Banner

Comentar: