Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

Voo cancelado, atrasado e extravio de mala de viagem: o que fazer?


Dicas e práticas podem ajudar os viajantes em casos de imprevistos

As pessoas que costumam fazer viagens aéreas domésticas ou internacionais, sabem muito bem que é comum ocorrer atrasos ou cancelamentos de voos, além do extravio da mala de viagem. Por isso, é muito importante saber como proceder nesses casos a fim de resolver tudo da melhor forma, evitando prejuízos e também estresse. 

Para ajudar os passageiros, especialistas da loja de malas e acessórios Roncato separaram dicas rápidas e práticas de como proceder nesses casos .

O que pode gerar atrasos e cancelamentos de voos

- Condições climáticas desfavoráveis (vento ou chuva forte, neblina, etc.);
- Manutenção de última hora na aeronave;
- Excesso de tráfego aéreo;
- Número insuficiente da tripulação de voo e quantidade muito pequena de passageiros (voos com menos de 30% da capacidade do avião precisam ser cancelados). 

Como proceder para reduzir os impactos nesses casos

Os viajantes devem pesquisar o histórico de voos do trajeto escolhido (alguns aeroportos costumam sofrer mais com as condições climáticas desfavoráveis), enquanto particularidades como viajar após às 22h30 são benéficas, já que evita o congestionamento aéreo.

Além disso, optar por empresas aéreas com menos voos em determinada rota também é importante para evitar falta de tripulação. Já os números insuficientes de passageiros são comuns nas tardes e noites de sábado e no meio de feriados. 

Procedimentos em caso de extravio de bagagem

Se acontecer o extravio de mala de viagem, os clientes devem elaborar um comunicado por escrito para a companhia aérea. Tudo deve ser feito com base no RIB (Relatório de Irregularidade de Bagagem). Caso não seja possível, dá para utilizar o serviço de SAC ou fazer o comunicado por e-mail 

As empresas têm até 7 dias para devolver as bagagens de voos domésticos e 21 dias para a devolução em casos de voos internacionais. Se isso não for feito no prazo, o cliente tem direito a receber um valor em dinheiro para poder providenciar novos pertences. 

Infelizmente, o extravio não é o único problema que a bagagem pode sofrer. O objeto ainda pode ser danificado por conta do trajeto ou propositalmente em casos de furtos.


fonte: atribuna

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

SHARE
Banner

Comentar: