Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

NOVA INSTALAÇÃO É DESTAQUE DA EXPANSÃO DO CENTRO DE SERVIÇOS DASSAULT


A Dassault Aviation está iniciando uma ambiciosa expansão da sua rede global de atendimento ao cliente, que inclui novas e maiores instalações que vão abrigar peças em estoque e centros de serviços adicionais, com o objetivo de melhorar ainda mais a qualidade e a pontualidade do suporte pós-venda Falcon.

Neste mês de outubro, a Dassault deu início a uma nova instalação ao norte de Paris, estrategicamente posicionada entre os aeroportos Charles de Gaulle e Le Bourget, que irá melhorar a velocidade e a eficiência das remessas de peças em estoque para os clientes Falcon em toda a Europa, África, Oriente Médio e Ásia. A nova instalação vai substituir a existente em Le Bourget e complementar um grande complexo em Teterboro, Nova Jersey.

"Otimizar a experiência do cliente sempre foi nossa principal prioridade na Dassault", disse Jacques Chauvet, Senior VP Worldwide Customer Service. "Nossa capacidade de obter peças em estoque aos clientes o mais rápido possível se tornou referência e padrão para a indústria".

Com investimentos de US$ 50 milhões e 18.000 metros quadrados, a instalação vai apresentar os mais recentes avanços nas tecnologias de logística e armazenagem, incluindo um novo sistema de gerenciamento de peças em estoque projetado para acelerar o envio de peças e fornecer espaço suficiente para o crescimento futuro. O complexo deve entrar em serviço no final de 2018.

As novas medidas seguem a instalação de uma nova instalação de estoque no aeroporto de Vnukovo, em Moscou, e a expansão do centro de peças em estoque em Louisville, Kentucky, o mais central da Falcon nos EUA.

A Dassault Aviation mantém atualmente mais de US$ 870 milhões em peças em estoque, em 15 locais ao redor do globo. Em uma pesquisa recente, os clientes votaram na Dassault como a primeira fabricante de jatos comerciais em M&O para disponibilidade e preços de peças em estoque.



Cresce a participação dos Centros de Serviços

Em paralelo à expansão da rede de peças em estoque, a empresa nomeou recentemente o Skyservice Toronto como Centro de Serviço Autorizado, depois de selecionar a Aero Dienst Vienna e a Hawker Pacific Malaysia no início do ano. A Dassault também adicionou recentemente um centro de serviços de satélites em Libreville, no Gabão.

Os clientes agora podem ligar para 53 centros de atendimento, 35 escritórios técnicos e mais de 100 representantes de campo, uma rede que ajuda a atender às 2.100 aeronaves em serviço na frota global de Falcon.

Esses movimentos acontecem quando a Dassault Falcon Service comemora seu 50º aniversário. O evento, quase um ano após o 100º aniversário da Dassault Aviation, testemunha o papel fundamental que a DFS desempenhou na construção da marca Falcon.



Intervalos de serviços estendidos para minimizar o tempo de inatividade

A Dassault também continua aprimorando seu portfólio de produtos e serviços pós-venda para aumentar a disponibilidade da aeronave e manter os modelos mais antigos atualizados, ajudando os operadores a economizar tempo e dinheiro, minimizando as interrupções do serviço e maximizando o valor da revenda.

Em particular, a empresa continua com seu programa de extensão de intervalo de manutenção. Uma extensão de 50% para inspeções de 1A / 2A, para 12 meses, será aplicada à linha Falcon 2000 este mês e à série Falcon 900 antes do final do ano. No ano que vem, o intervalo para inspeções 3A / 4A para o Falcon 7X será estendido em 30%, passando a 48 meses.

As extensões 1A / 2A para Falcon 7X e Falcon 50EX já foram implementadas.



Atualizando os Legados dos Falcons para os Padrões Mais Novos

A Dassault também está apoiando ativamente atualizações que ajudam os operadores a adicionar capacidades de operação a bordo e manter seus aviões atualizados até o mais recente padrão operacional. Entre os novos STCs oferecidos estão a família de soluções de atualização de aviónica Rockwell Collins Pro Line 21, que usa novas capacidades em tecnologia de exibição, sensor e gerenciamento de vôo para modelos 50EX, 2000 e 2000EX, e o sistema de banda larga de alta velocidade Honeywell JetWave Ka-band, que permite que os operadores permaneçam conectados continuamente em vôo como se estivessem em sua casa ou escritório.

Outros exemplos de aprimoramentos bem recebidos de suporte ao produto incluem o Falcon Immersive Training, uma nova ferramenta 3D projetada para facilitar o treinamento prático dos técnicos de manutenção da Falcon, e o FalconResponse, o portfólio de serviços AOG da Dassault. Quase metade das missões de suporte aéreo utilizam a oferta alternativa, que permite que os passageiros atendidos por um AOG completem sua jornada em tempo hábil. Equipado por dois jatos Falcon 900 dedicados, o FalconResponse realizou quase 400 missões desde que foi lançado há dois anos.


Sobre a Dassault Aviation

A Dassault Aviation é uma empresa aeroespacial líder de mercado, com presença em mais de 90 países, nos cinco continentes. Produz o caça Rafale, bem como a linha completa de Falcons e emprega uma força de trabalho de mais de 11.000 colaboradores, com fábricas de montagem na França e nos Estados Unidos, além de centros de serviços ao redor do mundo, inclusive no Brasil (Aeroporto de Sorocaba). Desde a implantação do primeiro Falcon 20 em 1963, 2.500 jatos Falcon já foram entregues e, atualmente, a produção inclui os tri-jatos Falcon 900LX, 7X e 8X, o bimotor 2000LXS, o Falcon 2000S e o novo Falcon 5X.

100 Anos de Dassault

Em 2016 a Dassault Aviation comemorou 100 anos de história. O marco inicial da empresa fundada por Marcel Dassault está relacionado com um dos maiores episódios da história da França: a Batalha de Verdun, em 1916, na 1ª Grande Guerra Mundial. A vitória estratégica francesa teve participação fundamental de sua força aérea, equipada com as hélices L'Eclair criadas por Dassault, consideradas as primeiras hélices produzidas em massa da história.

Sobre a Dassault Falcon Jet

Dassault Falcon Jet Corp. é uma subsidiária da Dassault Aviation nos Estados Unidos. A Dassault Falcon Jet atende ao mercado de jatos executivos na América do Norte e América do Sul.



fonte: GEP Comunicação

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

SHARE
Banner

Comentar: