Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

Air Berlin encerra voos; Lufthansa deve ficar com espólio


A falida companhia alemã Air Berlin realizou, nesta sexta (27), seu último voo antes de encerrar completamente suas operações. O trajeto de encerramento da aérea foi entre Munique e Berlim, realizado por um Airbus A320 com 178 passageiros a bordo.

Oficialmente, suas atividades serão cessadas neste sábado (28), porém mais nenhum voo será realizado até amanhã.

A Air Berlin esteve em funcionamento por 38 anos, tendo lançado seus primeiros voos em 1979 e transportado mais de 500 milhões de passageiros nesse período, segundo o site ATW.

Sua falência foi decretada em agosto, após a Etihad Airways, que detém 29% do capital, retirar o apoio financeiro.

O final das operações da transportadora fará com que o sistema aéreo alemão perca cerca de 250 voos e 60 mil passageiros por dia.

LUFTHANSA COMPRA EM PARTES, E DEVE PAGAR € 1,5 BILHÃO



A Lufthansa já assinou um acordo de 210 milhões de euros pela compra de uma parte da Air Berlin, referente às aéreas subsidiárias Niki e LGW, que faziam parte do grupo da companhia de Berlim e serão inseridas nas operações da Eurowings. A aquisição inclui 1,7 mil funcionários e 50 aeronaves.

O próximo passo, porém, será a compra da maior fatia do que resta da aérea falida. Com um investimento de 1,5 bilhão de euros, o Grupo Lufthansa espera assumir 81 aeronaves da Air Berlin, assim como três mil funcionários da companhia. A informação foi cedida pelo CEO do grupo alemão, Carsten Spohr, ao jornal Rheinische Post; a compra, porém, ainda não foi concretizada.

Além do interesse da Lufthansa, demais negociações referentes a transferência dos ativos e aeronaves da Air Berlin ainda estão em andamento, principalmente com a alemã Condor e com a britânica Easyjet, que entrou recentemente no páreo para disputar partes da Air Berlin.

Ao menos temporariamente, porém, boa parte das aeronaves da companhia que encerra operações hoje devem ser estacionadas, até que alguma empresa conclua a compra delas.

OPERAÇÕES DA AIR BERLIN ASSUMIDAS POR OUTRAS COMPANHIAS

Ao menos no aeroporto de Munique, boa parte das operações que eram realizadas pela aérea berlinense serão assumidas por outras empresas, entre elas a Eurowings, low cost que faz parte do grupo Lufthansa. A própria aérea Lufthansa também realizará operações previamente realizadas pela Air Berlin, sendo elas os voos de Munique para Berlim, Dusseldorf, Hamburgo e Colônia.

Eurowings assume boa parte das operações da Air Berlin em Munique.




fonte: panrotas


Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:


SHARE
Banner

Comentar: