Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

IATA promove evento sobre auditoria ISAGO e rastreamento de bagagem para as empresas de ground handling na próxima semana


Na quarta-feira, dia 17, o seminário vai debater a implantação da auditoria a partir de setembro deste ano. No dia seguinte, o tema é rastreamento de bagagem. Os dois seminários estão sendo realizados com o apoio da Abesata 

Na próxima semana, dias 17 e 18 de maio, acontecem dois seminários voltamos para o segmento de ground handling, ambos organizados pela IATA (International Air Transport Association) com o apoio da Abesata (Associação Brasileira das Empresas de Serviços Auxiliares de Transporte Aéreo). No primeiro dia, quarta-feira, o seminário vai debater as mudanças e benefícios proporcionados pela implantação do ISAGO (IATA Safety Audit for Ground Operations). O novo sistema será implantado a partir de setembro deste ano e as auditorias estão agendadas para começar em janeiro de 2018 as empresas brasileiras. 

Isago é a certificação reconhecida como elevado padrão de qualidade em todo o mundo. É concedida pela IATA a empresas de ground handling, após um processo de auditoria bastante criterioso. O objetivo da certificação é tornar a operação em solo cada vez mais segura.

No dia seguinte, quinta (18.05), o seminário terá como tema o rastreamento de bagagem e vai debater a resolução 753, tanto do ponto de vista das companhias aéreas quanto dos aeroportos. Em pauta também as possíveis estratégias de implementação. A resolução 753 será adotada pela IATA a partir de junho do ano que vem e, em linhas gerais, diz que todas companhias aéreas membros da IATA, a partir desta data, terão que manter um inventário detalhado do monitoramento de bagagem, do momento em que recebem a mala no check in até a entrega ao passageiro.

Os dois seminários têm entrada franca e acontecem no Aeroporto de Guarulhos - Terminal 2, Asa B, piso de Embarque, das 9 às 17h, e vai reunir operadores, Esatas e outros segmentos envolvidos. Ambos contarão com tradução simultânea. Mais informações podem ser solicitadas por e-mail para costa@iata.org

Em todo Brasil, existem hoje 122 esatas (empresas auxiliares do transporte aéreo) e juntas empregam 31.800 pessoas. Em todo mundo, os serviços auxiliares do transporte aéreo são terceirizados. A média global é de 70% terceirizado, enquanto no Brasil ainda estamos em 30%.




fonte: Egom PR Agency
SHARE
Banner

Comentar: