.

.

Arquivo

Navigation

Qantas fecha 2016 com 308 aeronaves; 1° semestre do ano fiscal tem queda no lucro


A australiana Qantas divulgou esta semana os resultados operacionais e financeiros referentes ao 1° semestre de seu ano fiscal de 2017, que engloba os meses entre julho e dezembro de 2016. O lucro líquido da transportadora no período teve queda de 25,1% e chegou aos US$ 528 milhões, isto se comparado ao 1° semestre do ano fiscal de 2016. A companhia finaliza o ano com uma frota de 308 aeronaves (dia 31 de dezembro), aumento real de 2,7%.

A receita também teve queda (-3,3%) e chegou aos US$ 6,29 milhões, enquanto as despesas operacionais alcançaram os US$ 5,68 bilhões. A equação levou a Qantas a registrar ganhos operacionais de US$ 623 milhões, queda expressiva de 25,8%. Em nota, a australiana afirma que a queda nos lucros tem a ver diretamente com os US$ 154 bilhões que entraram em caixa durante o 1° semestre do ano fiscal do ano passado, com a venda do terminal no Aeroporto de Sydney.

A capacidade doméstica teve queda de 1,5% e chegou aos 18,3 bilhões de RPKs. A demanda acompanhou o ritmo, tanto é que a taxa de ocupação média no período cresceu 0,8 p.p e chegou aos 77,3%. Para o mercado internacional, crescimento de 4% na capacidade para os 32,8 bilhões de ASKs, enquanto a taxa de ocupação média ficou em 81,3% (-2%). Para o 2° semestre do ano fiscal, a ideia é aumentar a capacidade em até 2%, uma média entre uma queda esperada de 2% no mercado doméstico e um aumento da capacidade esperado de até 4%.




fonte: panrotas
SHARE
Banner

Comentar: