.

.

Arquivo

Navigation

Demanda por voos domésticos cai 2,27% em dezembro, diz Abear


Resultados de dezembro marcam o décimo sétimo mês consecutivo de retração na demanda doméstica


A demanda por voos domésticos apresentou retração de 2,27% em dezembro de 2016 ante o mesmo mês de 2015, segundo dados da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear).

A oferta, doméstica, por sua vez, diminuiu 4,15% em dezembro na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Os resultados de dezembro marcam o décimo sétimo mês consecutivo de retração na demanda doméstica e o décimo sexto mês seguido de diminuição na oferta doméstica.

Com a oferta recuando num ritmo mais elevado que a demanda, a taxa de ocupação doméstica em dezembro melhorou, chegando a 81,38% no último mês de 2016, um avanço de 1,56 ponto porcentual (p.p.) na comparação com dezembro de 2015.

No mês, foram transportados 8,009 milhões de passageiros no segmento doméstico, uma queda de 3,83% na comparação com o mesmo período de 2015.

Em dezembro, a Gol manteve a liderança no mercado doméstico, com participação de 37,64%, seguida pela Latam, com 32,88%. A Azul ficou com 17,61% do market share doméstico em dezembro, enquanto a Avianca obteve uma fatia de 11,87%.
2016

No acumulado de 2016, a demanda doméstica recuou 5,47% em relação resultado do ano anterior, com queda de 5,74% na oferta. A taxa de ocupação teve melhora de 0,23 p.p., para 80,14%.

No ano passado, foram transportados 87,635 milhões de passageiros no mercado doméstico, uma queda de 7,45% ante 2015. Segundo a Abear, este é o menor volume de passageiros transportados, em termos absolutos, desde 2012.

A Gol encerrou o ano na liderança no mercado doméstico, com participação de 36,25%, seguida pela Latam, com 35,01%. A Azul ficou com 17,19% e Avianca com 11,55%.
Internacional

A demanda por voos internacionais apresentou alta de 5,93% em dezembro ante o mesmo mês de 2015, segundo dados da Abear. A oferta internacional, por sua vez, cresceu 2,93% na mesma base de comparação, fazendo com que a taxa de ocupação dos voos internacionais aumentasse 2,39 pontos porcentuais (p.p.), para 84,33%.

Ao todo, foram transportados 687 mil passageiros no segmento internacional em dezembro, alta de 8,21% em relação ao mesmo mês de 2015. A Latam respondeu por 78,68% do mercado no mês passado, seguida por Azul (10,86%), Gol (10,33%) e Avianca (0,12%).
2016

O resultado consolidado no segmento internacional mostra que a demanda acumulou uma queda de 0,21% em relação a 2015, enquanto a oferta teve uma retração de 3,09% na mesma base de comparação. Desta maneira, a taxa de ocupação internacional aumentou 2,42 p.p. entre os anos, ficando em 83,78% ao final de 2016.

Entre janeiro e dezembro do ano passado, 7,48 milhões de passageiros foram transportados no segmento internacional, montante 2,54% superior ao resultado de 2015. A Latam encerrou o ano com 78,9% de market share no segmento internacional, seguida por Gol, com 11,78%, Azul, com 9,22%, e Avianca, com 0,1%.




fonte: exame
SHARE
Banner

Comentar: