Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

AEROPORTOS DO CONTINENTE ALCANÇARAM O TOP30 EUROPEU DE AUMENTO DE PASSAGEIROS 1º SEMESTRE


Os aeroportos de Lisboa, Porto e Faro cotaram-se no primeiro semestre entre os 30 europeus que tiveram maiores aumentos de passageiros, embora em variação percentual apenas o aeroporto do Algarve tenha alcançado o Top5 dos que têm entre cinco milhões e dez milhões de passageiros por ano elaborado pelo Airports Council International (ACI).

Cálculos do PressTUR a partir dos dados publicados pelo ACI permitiram cotar Lisboa como o aeroporto europeu que teve o 21º maior aumento de passageiros do primeiro semestre, com mais cerca de 675 mil, o Porto como o 24º, com mais cerca de 555 mil, e Faro como o 27º, com mais cerca de 498 mil.

Em variações relativas, que tendem a favorecer os aeroportos que têm bases de comparação mais baixas, o maior aumento foi em Faro, em 18,6%, para 3,17 milhões, seguido pelo Porto, com +15,1%, para 4,23 milhões, e por Lisboa, com +7,3%, para 9,92 milhões.

Desta forma, de acordo com a informação divulgada ontem pelo ACI, de Portugal apenas o aeroporto de Faro atingiu um dos Top5 de crescimento no semestre, ao ter o 3º aumento mais forte dos aeroportos do Grupo 3, que têm entre cinco milhões e dez milhões de passageiros por ano, do qual também faz parte o Porto e no qual o líder foi Berlim Schonefeld, com mais 39,4%, para 5,28 milhões, e o 5º foi Bucareste, com +16,5%, para 4,91 milhões.

O Grupo 2, dos que têm entre dez milhões e 25 milhões de passageiros por ano, em que o ACI cota Lisboa, o aumento médio de passageiros no semestre foi em 5,4%, e os líderes foram Colónia-Bona, com +19,8%, Alicante, com +16,1%, Málaga, com +14,6%, Gran Canária, com +14,2%, e Birmingham, com +12,6%.

Os aeroportos do Grupo 4, com menos de cinco milhões de passageiros por ano, onde o ACI cota o Funchal e Ponta Delgada, tiveram um aumento médio de passageiros no semestre em 5,8%, mas com os líderes a terem aumentos a três dígitos, de 283,4% em Oradea, 170,9% em Liege, 127,5% em Ostend e 115,2% em Iasi.

No Funchal o aumento foi em 14%, para 1,39 milhões, e em Ponta Delgada foi em 29,5%, para 674,3 mil, o que não lhes ‘deu entrada’ no Top5 do Grupo, embora o aeroporto madeirense tenha registado o 68º maior aumento de passageiros dos 203 aeroportos europeus com dados publicados pelo ACI, com mais quase 172 mil, e Ponta Delgada tenha registado o 73º, com mais cerca de 153 mil.




fonte: presstur
SHARE
Banner

Comentar: