Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

H-60L completa uma década em operação na FAB


Dois esquadrões da FAB utilizam o helicóptero em suas missões


Este ano, o 7° Esquadrão do 8° Grupo de Aviação (7º/8º GAv) - Esquadrão Harpia - completa 30 anos de existência e, juntamente com essa expressiva marca, comemora também 10 anos desde que as aeronaves H-60L Black Hawk chegaram à FAB (Força Aérea Brasileira).

No dia 27 de julho de 2006, teve início uma nova era no 7º/8º GAv. Nesta data, os primeiros pilotos de Black Hawk do Esquadrão Harpia recebiam em Huntsville, nos Estados Unidos, a primeira aeronave H-60L do esquadrão, o FAB 8901.

O translado teve início no dia 29 de julho e durou seis dias. Até a chegada a Manaus, a tripulação cruzou várias cidades dos EUA e ilhas da América Central para enfim adentrar ao território brasileiro por Boa Vista (RR). Na chegada, houve uma cerimônia militar na Base Aérea de Manaus, com a presença de todo efetivo da Guarnição de Aeronáutica de Manaus, ficando o evento marcado pra sempre na história do 7º/8º GAv.

A chegada das novas aeronaves trouxe um grande ganho operacional para o Esquadrão. Maior capacidade de carga, maior autonomia, mais segurança, além da capacidade de operar 24 horas por dia, foram alguns dos principais pontos positivos dessa aquisição.

Entre as missões realizadas pelo 7º/8° GAv, estão as de infiltração e exfiltração de tropas (utilizando as técnicas de Rapel, Pouso de Assalto e McGuire), Busca e Salvamento (SAR) e Busca e Salvamento em Combate (CSAR), tanto na selva como no mar.

A aeronave realiza também missões de apoio social e humanitário com as populações ribeirinhas e indígenas, atuando principalmente nas campanhas de vacinação do Ministério da Saúde, missões presidenciais, missões de ajuda humanitária a outros países, além de apoiar os mais diversos órgãos da FAB.

Na FAB, o 5° Esquadrão do 8° Grupo de Aviação (5º/8º GAv) - Esquadrão Pantera, sediado na Base Aérea de Santa Maria (BASM), no Rio Grande do Sul, também opera o H-60L.



fonte: aviação paulista



SHARE
Banner

Comentar: