Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

DECEA E SITAONAIR concluem ambiciosa rede brasileira


A SITAONAIR finalizou a implantação de uma rede abrangente de VHF e datalink VDL em 53 aeroportos do Brasil, juntamente com respectivos sistemas de monitoramento e roteamento. A conclusão segue o Acordo de Concessão de Serviço de Comunicação Datalink concedido à SITAONAIR pelo Departamento de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (DECEA), em 2010.

A rede, concluída no prazo de cinco de anos, fornece cobertura completa do espaço aéreo brasileiro a 24.500 pés (FL245). Permite que os usuários do espaço aéreo acessem os serviços datalink de Autorização de Decolagem (Departure Clearance - DCL) e de Informação Digital-Automática de Terminal (Digital-Automatic Terminal Information Service – D-ATIS), implantados em 23 torres de controle em todo o Brasil. É importante destacar que a rede constitui o principal pilar da comunicação ar-terra para que o DECEA continue a desenvolver conceitos de gestão de tráfego aéreo de seu programa estratégico de modernização, o SIRIUS.

“O enorme fluxo de visitantes para o Brasil graças à combinação da Copa FIFA 2014 e os Jogos Olímpicos no próximo ano tem proporcionado um catalisador importante para o nosso programa de modernização”, diz o Brigadeiro Carlos Vuyk de Aquino, diretor geral do DECEA.

“No entanto, nós também temos muitos objetivos de longo prazo, com base na previsão de alto crescimento do tráfego aéreo para as próximas décadas. Estamos no mesmo caminho que a FAA na América do Norte e a EUROCONTROL na Europa, no sentido de tornar nosso espaço aéreo mais seguro e mais ambientalmente amigável”.

A SITA, e agora a SITAONAIR, têm sido nossas fornecedoras-chave por 20 anos, que teve início com a implantação de um sistema VHF CARS, em 1985”, comenta o Brigadeiro Aquino. “Desde então, temos adquirido uma ampla experiência na indústria de transporte aéreo e no controle do tráfego aéreo em particular”.

A nova rede datalink VDL/VHF, que observa os padrões rígidos da OACI, fornece ao DECEA a comunicação de link de dados mais avançada e já está sendo usada pelas companhias aéreas que voam em todo o Brasil. Mais do que fornecer acesso a serviços de datalink, como o DCL e D-ATIS, a nova rede abre caminho para futuros serviços de comunicação ATC, desde o emprego de Comunicação por enlace de Dados entre Controlador e Piloto no espaço aéreo continental (continental Controller Pilot Datalink Communications – CPDLC) a operações baseadas em trajetória, conforme especificado no sistema de atualizações de aviação em blocos (Aviation System Block Upgrades – ASBUs) da OACI.

“Nosso maior desafio durante este projeto tem sido a logística”, diz Ian Dawkins, CEO da SITAONAIR. “Temos enfrentado dificuldades consideráveis para transportar, instalar e operar o hardware em alguns ambientes mais hostis, como a selva amazônica. Mas nossa equipe, em parceria com o DECEA, concluiu a tarefa antes do tempo, o que é uma experiência muito considerável”.

Além da implantação, a SITAONAIR também é responsável pela gestão em andamento da rede de VHF / VDL para a próxima década.

“A conclusão bem-sucedida dessa implantação é parte de um cenário maior da aeronave conectada”, continua Dawkins. “Além de beneficiar o DECEA, o datalink para controle do tráfego aéreo também proporciona benefícios significativos para as companhias aéreas. Simplificar a comunicação entre pilotos e controladores de tráfego aéreo reduz a carga de trabalho dos pilotos, bem como melhora a precisão. E o uso mais eficiente do espaço aéreo ajuda a reduzir horas de voo e, portanto, o consumo de combustível”.

Sobre a SITAONAIR

A SITAONAIR define a referência para soluções de ponta a ponta, oferecendo uma gama completa de produtos e serviços para que as companhias aéreas utilizem o pleno potencial de conexão da aeronave. Suas soluções permitem às companhias aéreas personalizar a experiência do passageiro, agilizar as operações da cabine do piloto e otimizar os procedimentos de manutenção.

Foi lançada no dia 1º de Janeiro de 2015 como parte do SITA Group. Possui cerca de 400 companhias aéreas clientes, operando mais de 14.000 aeronaves. Com sede em Genebra, também possui escritórios em Londres, Montreal, Atlanta e Cingapura, com 265 funcionários em todo o mundo.




fonte: idea casada
SHARE
Banner

Comentar: