Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

GOL divulga resultados financeiros do 1º trimestre de 2015


A GOL Linhas Aéreas Inteligentes anuncia resultados financeiros consolidados do primeiro trimestre de 2015. A companhia registrou neste período uma margem operacional de 6,1%, com lucro operacional (EBIT) de R$ 153,8 milhões, um acréscimo de 6,5% na comparação anual. A receita líquida foi de R$ 2,5 bilhões, superior em 0,5% em relação ao mesmo período do ano passado. No acumulado dos últimos doze meses, a receita líquida total alcançou uma nova marca histórica, de R$ 10,1 bilhões.

Os primeiros meses deste ano foram marcados pela desaceleração econômica e por um cenário competitivo desafiador. A taxa de câmbio do dólar, ao final do período, foi 41,8% maior na comparação anual e a desvalorização do real frente à moeda americana é a principal causa do prejuízo de R$ 672,7 milhões. Se não fosse a desvalorização cambial de R$ 774,1 milhões, a GOL registraria lucro de cerca de R$ 100 milhões.

Mesmo diante deste ambiente, o caixa da companhia de R$ 2,4 bilhões é um dos mais fortes da indústria. A GOL manteve ainda o mesmo patamar de receita total na comparação ao 1T14, resultado da diversificação das linhas de receita e da melhoria contínua de operações e de produtos da companhia. As receitas auxiliares, como transporte de cargas, venda do serviço de bordo e assentos GOL+ Conforto, também foram itens que impulsionaram a conquista desses resultados, com um aumento significativo de 32,8% no trimestre, atenuando a queda no preço das passagens.

A oferta da GOL subiu 2,1% e a demanda 4,9%, representando uma expansão na taxa de ocupação de 2 pontos porcentuais comparado com o mesmo período de 2014, no mercado doméstico. Mesmo com aumento da oferta no trimestre, a companhia mantém a previsão estável para 2015.

Neste trimestre, a GOL conquistou dois recordes na aviação nacional, com 157 mil pessoas transportadas, o maior número de passageiros em um único dia, por uma companhia aérea em 5 de janeiro. E mais de 4 milhões de clientes em um mês, em janeiro deste ano.

Além disso, manteve a liderança em número de passageiros transportados com 9 milhões de clientes e em pontualidade no primeiro trimestre deste ano, com 94,13%, segundo dados da Infraero referentes ao mercado doméstico. Durante o mês de março, o índice de voos no horário alcançou 96,72%, com mais de 23 mil voos nacionais no período. A GOL também foi líder no número de bilhetes emitidos para o segmento corporativo, 31,3% de participação, em linha com o foco de ampliar a carteira desta categoria de clientes. Foi o maior crescimento do setor, com 14,2% quando comparado ao mesmo período do ano anterior, de acordo com a Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas (Abracorp).

Com estas conquistas, a estratégica de aprimoramento da malha do mercado doméstico, inclusão de novos destinos na América Latina, flexibilidade para atender a demanda de acordo com o cenário econômico do país, aprimoramento de produtos e serviços e amadurecimento das parcerias com aéreas internacionais, será mantida.

No entanto, o cenário atual de alta volatilidade cambial e baixa atividade econômica exige uma atenção redobrada no gerenciamento dos custos da companhia e a busca por novas fontes de receita. A GOL também está atenta às oportunidades para marcar presença no mercado de capitais já com a nova estrutura societária implementada.



fonte: GOL Linhas Aéreas Inteligentes
SHARE
Banner

Comentar: