Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

Copiloto da Germanwings treinou descida brusca em voo anterior, diz jornal


O copiloto da Germanwings suspeito de ter deliberadamente derrubado um avião nos Alpes franceses em março, matando todas as 150 pessoas a bordo, praticou a descida da aeronave no voo de ida, afirmou o jornal alemão Bild nesta terça-feira (05/05).

Os promotores acreditam que o copiloto alemão Andreas Lubitz, de 27 anos, trancou o capitão do lado de fora da cabine e começou a reduzir a altitude do avião no início do voo de Barcelona a Duesseldorf em 24 de março.

O Bild, citando fontes próximas à agência francesa de investigação de acidentes BEA, afirmou que um relatório preliminar que a agência pretende publicar na quarta-feira mostrará que Lubitz praticou a redução da altitude no voo de Dusseldorf para Barcelona no mesmo dia do acidente.

O jornal alemão citou fontes dizendo que o relatório da BEA falará sobre uma "descida controlada, que durou minutos e para a qual não havia justificativa aeronáutica".

Lubitz sofreu de grave depressão no passado e um computador encontrado em sua casa mostrou que ele tinha usado a Internet para pesquisar maneiras de cometer suicídio nos dias que antecederam o acidente.

Os promotores também encontraram um atestado médico rasgado em sua casa, mostrando que ele não deveria ter voado no dia do acidente.


fonte: Msn Notícias via Reuters
por: Michelle Martin)
SHARE
Banner

Comentar: