Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

Aeroporto de Viracopos é o mais bem avaliado do País


O aeroporto de Viracopos, em Campinas, foi o mais bem avaliado do Brasil no último trimestre de 2014, mostra pesquisa de satisfação dos passageiros divulgada ontem pela Secretaria de Aviação Civil (SAC). Dos quinze maiores aeroportos pesquisados, a pior avaliação no País coube a Cuiabá - Guarulhos (SP) figurou em penúltimo lugar.

Numa escala de 1 a 5 pontos, oito dos aeroportos sondados alcançaram notas acima de 4 pontos. Entre as perguntas feitas aos passageiros, estavam a satisfação com o tempo de espera de check-in, oferta de transporte público, restituição de bagagem e limpeza dos banheiros.

Essa foi a primeira vez que um aeroporto concedido pelo governo à iniciativa privada ocupou a primeira posição na pesquisa. Viracopos alcançou 4,29 pontos. “A liderança de Viracopos é um reflexo das condições exigidas no contrato de concessão do aeroporto. O concessionário, inclusive, já está indo além das nossas expectativas”, avaliou o ministro da SAC, Eliseu Padilha.

Na outra ponta da pesquisa, o aeroporto de Cuiabá teve a pior avaliação pelos passageiros no fim de 2014 ao obter 3,48 pontos. O aeroporto de Guarulhos (SP), o mais movimentado do País, alcançou 3,73 pontos.

“Guarulhos ainda está realizando as obras previstas na concessão. O aeroporto vai melhorar também, assim como Viracopos. A satisfação do passageiro só conta com o que já está disponível. A tendência é mais importante que o momento”, disse o ministro. “Na comparação com os trimestres anteriores,Guarulhos tem apresentado evolução nas notas, o que mostra que o aeroporto está no sentido certo”, disse o secretário executivo da SAC, Guilherme Ramalho.

Dos12.992 passageiros entrevistados entre outubro e dezembro do ano passado, 76% consideraram os serviços bons ou muito bons.

Na média geral de satisfação, a pontuação dos 15 aeroportos passou de 3,84 pontos no último trimestre de 2013 para 3,94 pontosem2014. O número de aeroportos com notas acima de 4 pontos passou de quatro para oito no mesmo período.



fonte: O Estado de S.Paulo
SHARE
Banner

Comentar: