Meu título conteúdo da página

.

.

Arquivo

Navigation

NetJets, de Warren Buffett, compra 10 jatos da Embraer


A unidade de aviação executiva da Embraer e a NetJets, empresa norte-americana do grupo Berkshire Hathaway, do mega investidor Warren Buffett, assinaram um acordo para a conversão de 10 opções de compra do jato Phenom 300 em pedidos firmes. Considerando preços atuais de lista, esse acréscimo ao contrato tem valor de US$89,55 milhões, que será incluído na carteira de pedidos firmes da Embraer do quarto trimestre deste ano.

A NetJets assinou em outubro de 2010 um acordo de compra de 50 jatos executivos Phenom 300, com opções de aquisição de 75 unidades. Segundo a Embraer, se todas as opções forem confirmadas, o valor do negócio pode superar US$ 1 bilhão. A Embraer disse em comunicado que já entregou 36 jatos Phenom 300 à NetJets.

As entregas das 10 aeronaves adicionais começarão a ser feitas a partir de janeiro de 2016. “A aceitação do Phenom 300 continua a crescer nos mercados corporativo e de propriedade compartilhada. Tanto que, recentemente, tornou-se o jato executivo com o maior número de entregas”, disse em nota o presidente da Embraer Aviação Executiva, Marco Túlio Pellegrini. “O Phenom 300 Signature Series é um jato leve excepcional e tornou-se a aeronave mais rapidamente comercializada dentre toda a frota da NetJets”, disse o vice-presidente de global asset management da NetJets, Chuck Suma.

Especializada no compartilhamento de aeronaves, a empresa de Warren Buffett vende cotas aos clientes e arca com toda a administração da frota – da contratação de pilotos ao agendamento dos voos. O preço das cotas inclui um investimento inicial, uma mensalidade e um valor pago por hora voada.



fonte: O Estado de S.Paulo
SHARE
Banner

Comentar: